Por Armando Júnior

O movimento homossexual brasileiro¹ começou a dar seus primeiros passos na década de 1950 e 1960, com muita repressão e perseguição policial. Em 1970 os homossexuais brasileiros ainda estavam reclusos nos guetos e, somente no final da década, começa-se a se observar um movimento contrário de resistência. No ano de 1977 o advogado e ativista João Antônio de Souza Mascarenhas cria o “Grupo Homossexual Triângulo Rosa”. No mesmo ano, o gaúcho radicado no Rio de Janeiro recebe a visita do norte-americano Winston Leyland, editor da revista Gay Sunshine. A ideia era colaborar com o estadunidense levando a perspectiva brasileira, que começava a emergir nessa época, para a publicação norte-americana.

Na era da informação via whatsapp, Lampião entrou em um grupo fictício para registrar a (r)existência de gays negros dentro [e fora] das universidades.

As fontes e seus dados são reais. Os memes também.